Já comprou seu livro hoje? Clic aqui!

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Tu e Eu



                               Somos diferentes, tu e eu.
                               Tens forma e graça
                               E sabedoria de só crescer  
                               Até dar pé.
                               Eu não sei onde quero chegar
                               E só sirvo para uma coisa
                               _que não sei qual é!
                               És de outra pipa
                               E eu de um cripto.
                               Tu, lipa.
                               Eu, calipto,


                              Gostas de um som tempestade
                              Roque lenha
                              Muito heavy.
                              Prefiro o barroco italiano
                              E dos alemães
                              O mais leve.
                              És vidrada no Lobão
                              Eu sou mais albinônico.
                              Tu, fão.
                              Eu, fônico.


                              És suculenta
                              E selvagem
                              Como uma fruta do trópico.
                              Eu já sequei
                              E me resignei
                             Como um socialista utópico.
                             Tu não tens nada de mim
                             Eu não tenho nada teu.
                             Tu, piniquim.
                             Eu, ropeu.


                            Gostas daquelas festas
                            Que começam mal e terminam pior.
                            Gosto de graves rituais
                            Em que sou penitente
                            E, ao mesmo tempo, o prior.
                            Tu és um corpo e eu o vulto,
                            És uma miss, eu um místico.
                            Tu, multo.
                            Eu, carístico.


                            És colorida,
                            Um pouco aérea,
                            E só pensas em ti.
                            Sou meio cinzento,
                            Algo rasteiro,
                            E só penso em Pi.
                            Somos cada um de um pano.
                            Uma sã e o outro insano.
                            Tu, cano.
                             Eu, euclidiano.


                            Dizes na cara
                            O que vem à cabeça
                            Com coragem e ânimo.
                            Hesito entre duas palavras,
                            Escolho uma terceira
                            E no fim digo um sinônimo.
                            Tu não temes o engano
                            Enquanto eu cismo. 
                            Tu, tano.
                            Eu, femismo


                           Luis Fernando Verissimo


Fonte:Comédias da vida privada- 101 Crônicas escolhidas.7° Edição
Esta é minha dica de leitura. Tem edições mais recentes.Todas são muito boas

7 comentários:

Contos e Encantos num Canto do Mundo... disse...

Veríssimo é D+!!! Adoro!!! beijo...Lu...Ü...

Isa disse...

Conheço o autor e gosto.
Obrigada pela partilha.
Beijo.
isa.

Chica disse...

Ele é muito bom mesmo! Adorei a escolha e dica!beijos,chica

Jonas R. Sanches disse...

Maravilhoso essa poesia amiga Vivian, gostei muito!
Tenha um ótimo fim de semana!!

{♥Åññä Lµí§ä♥}_L€ØNARÐØ disse...

Olá amiguXa do meu coração:)
Passando para te oferecer
um Selinho seu Blog é
"Pura Magia"espero que goste:)
Um belo dia para você
e um excelente final de
semana beijoss fica com Deus!

RECANTO DOS AUTORES disse...

Vivian,que beleza essa poesia que escolheu do LUIS Fernando Veríssimo!Um jogo de palavras que encanta,surpreende e apaixona!Lógico que pode postar minha poesia aqui.Será um prazer,nem precisa pedir!bjs,

Dayse Sene disse...

Muito lindo o texto... prende a leitura, e a semelhança entre o TU e EU, fez-me lembrar de uma frase muito interessante:
" As pessoas têm algo em comum, são todas diferentes".
Está aí a grandeza de cada ser.
Obrigada você por me prestigiar com sua visita.
Um abraço carinhoso e seja sempre bem-vinda ao meu blog.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...