Já comprou seu livro hoje? Clic aqui!

sábado, 18 de dezembro de 2010

Poema





                         Não viverei em vão, se puder
                         Salvar de partir-se um coração,
                         Se eu puder aliviar uma vida
                         Sofrida, ou abrandar uma dor,
                         Ou ajudar exangue passarinho
                         A subir de novo ao ninho_
                         Não viverei em vão.


                        Emily Dickinson (1830-1886)


Fonte:O Livro das Virtudes-William J. Bennett
Pág.103

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Citações de Érico Veríssimo



                 "Nenhum escritor pode criar do nada.Mesmo quando ele não sabe, está usando experiências vividas, lidas ou ouvidas, e até mesmo pressentidas por uma espécie de sexto sentido."


              "Todos nós somos um mistério para os outros...e para nós mesmos."


              "Felicidade é a certeza de que a nossa vida não se está a passar inutilmente."


               Érico Veríssimo


Fonte:citador.pt

Mais Presentes de Natal dos Amigos!!! Obrigada!!


                                             http://www.cantinhodeaconchego.blogspot.com/




                                                 http://arminevers.blogspot.com/



                                            http://mialorenasweihnachtsblog.blogspot.com/









quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Tempo para tudo


                  Tudo neste mundo tem seu tempo;
                  cada coisa tem sua ocasião.
                  Há um tempo de nascer e tempo de morrer;
                  tempo de plantar e tempo de arrancar;
                  tempo de matar e tempo de curar;
                  tempo de derrubar e tempo de construir.
                  Há tempo de ficar triste e tempo de se alegrar;
                  tempo de chorar e tempo de dançar;
                  tempo de espalhar pedras e tempo de juntá-las;
                  tempo de abraçar e tempo de afastar.
                  Há tempo de procurar e tempo de perder;
                  tempo de economizar e tempo de desperdiçar;
                  tempo de rasgar e tempo de remendar;
                  tempo de ficar calado e tempo de falar.
                  Há tempo de amar e tempo de odiar;
                  tempo de guerra e tempo de paz.


                  Eclesiastes 3, 1-8
Fonte: O Livro das Virtudes- William J. Bennett
Pág-72

Mais Presentes de Natal das Amigas!!!Obrigada!!






quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Se te comparo a um dia de verão


                Soneto 18


                Se te comparo a um dia de verão
                És por certo mais bela e mais amena
                O vento espalha as folhas pelo chão
                E o tempo do verão é bem pequeno.


                Ás vezes brilha o sol em demasia
                Outras vezes desmaia com frieza;
                O que é belo declina num só dia,
                Na terna mutação da natureza.


                Mas em ti o verão será eterno,
                E a beleza que tens não perderás,
                Nem chegarás da morte ao triste inverno.


                Nestas linhas com o tempo crescerás.
                E enquanto nesta terra houver um ser,
                Meus versos vivos te farão viver,


                William Shakespeare
Fonte:www.lovers-poemas.com

Selo de qualidade


                      Obrigada à amiga Marcinha Mendonça do blog:http://marcinhamendoncapt.blogspot.com, pela lembrança e carinho!!
                 Regras:
               1- Falar 10 coisas sobre você.
               2- Passar o selo para 10 blogs.
               3- Avisar cada blogueira.


                10 coisas sobre mim:
1-Sou casada e muito feliz.
2-Tenho dois filhos que amo muito.
3-Amo minha família e amigos.
4-Acredito em Deus e que devemos melhorar todos os dias.
5-Sou apaixonada pela leitura, pelos livros...
6-Fiz o blog para compartilhar meu amor pela literatura e fazer amigos.
7-Adoro aprender, estou sempre em busca do conhecimento.
8-Sou fiel e companheira
9-Falo a verdade.
10-Tenho uma mini biblioteca.


               10 blogs que passo:
1-Rô-mulheresabias.blogspot.com
2-Rô e Valéria- arteborboletasaarteemfazerart.blogspot.com
3-Cris-espaocrispadilha.blogspot.com
4-Grazy- grazycoutinho.blogspot.com
5-Melissa-melissasnewminute.blogspt.com
6-Isabelle câmara-isabelle-obeijodaborboleta.blogspot.com
7-Mirim- sonhosdamiriam.blogspot.com
8-Joana-joana-neves.blogspt.com
9-Anninha-anninhadoleonardo.blogspot.com
10-Drika-drikamirandabylove.blogspot.com


Beijos meninas!! Fiquem à vontade para aceitar ou não !



terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Piedade



                       Piedade é a mais nobre emoção que pode ser encontrada no ser humano. Auto-piedade, porém, é possível ser a pior de todas as emoções. Piedade é ter a capacidade de entrar na dor de uma pessoa, a fim de fazer algo a respeito dessa dor. Auto-piedade porém, é a incapacidade, distúrbio emocional doentio, que destrói a nossa percepção da realidade. Piedade revela a necessidade de amor, de cura, de força. Auto-piedade reduz o universo a uma ferida pessoal, a qual é demostrada como prova de insignificância. Piedade é adrenalina para a atitude de misericórdia. Auto-piedade é um narcótico que deixa seus dependentes perdidos e desiludidos.


                     Reflexão Budista 
Fonte:alsantana.multiply.com
                     

Mais Presentes de Natal das Amigas!!!Obrigada!!








segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Dor...



            " Dor não tem nada a ver com amargura.Acho que tudo
             que acontece é feito pra gente aprender cada vez mais,
             é pra ensinar a gente a viver.Desdobrável.
             Cada dia mais rica de humanidade."


             Adélia Prado


Fonte:pensador.uol.com.br

domingo, 12 de dezembro de 2010

Meu Sonho


                       Parei as águas do meu sonho
                       para teu rosto se mirar.
                       Mas só a sombra dos meus olhos
                       ficou por cima, a procurar...
                       Os pássaros da madrugada
                       não têm coragem de cantar
                       vendo o meu sonho interminável
                       e a esperança do meu olhar.
                       Procurei-te em vão pela terra,
                       perto do céu, por sobre o mar.
                       Se não chegas nem pelo sonho,
                       porque insisto em te procurar?
                       Quando vierem fechar meus olhos,
                       talvez não se deixem fechar.
                       Talvez pensem que o tempo volta,
                       e que vens, se o tempo voltar.


                        Cecília Meireles
Fonte:aindamelhor.com

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...