Já comprou seu livro hoje? Clic aqui!

sábado, 6 de agosto de 2011

Conformismo


             "O conformista acredita que todas as coisas são obras do destino, já o ativista acredita que o destino é uma questão de escolha. O conformista é vitima do seu passado, o ativista é autor da sua própria história. O conformista vê a tempestade e se amedronta, o ativista vê no mesmo ambiente a chuva e enxerga a oportunidade de cultivar. O conformista se aprisiona no passado, o ativista se liberta no presente."


            Augusto Cury


Fonte:Livro:O código da inteligência-Augusto Cury
Ed.Ediouro
Pág.48

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Cântico da Esperança


Não peça eu nunca
para me ver livre de perigos,
mas coragem para afrontá-los.

Não queira eu
que se apaguem as minhas dores,
mas que saiba dominá-los
no meu coração.

Não procure eu amigos
no campo da batalha da vida,
mas ter forças dentro de mim.

Não deseje eu ansiosamente
ser salvo,
mas ter esperança
para conquistar pacientemente
a minha liberdade.

Não seja eu tão covarde, Senhor,
que deseje a tua misericórdia
no meu triunfo,
mas apertar a tua mão
no meu fracasso!

Rabindranath Tagore,in "O Coração da Primavera"

Tradução de Manuel Simões
Fonte:citador.pt

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

A Vida

                                                     
           "A sabedoria não está em não falhar ou sofrer, 
mas usar nossas falhas para amadurecer e
 nosso sofrimento para compreender
 a dor dos outros."





"A vida é um grande contrato de risco,
 tem curvas imprevisíveis e
 acidentes inevitáveis."


           Augusto Cury


Fonte:Filhos brilhantes, alunos fascinantes-Augusto Cury e
O mestre inesquecível -Augusto Cury

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Da Realidade



Que renda fez a tarde no jardim,
Que há cedros que parecem de enxoval?
Como é difícil ver o natural
Quando a hora não quer!
Ah! não digas que não ao que os teus olhos
Colham nos dias de irrealidade.
Tudo então é verdade,
Toda a rama parece
Um tecido que tece
A eternidade.

Miguel Torga, in "Nihil Sibi"

Fonte:citador.pt

terça-feira, 2 de agosto de 2011

Bem-aventurados


              Durante todo este tempo, eu continuei amando Dora, com mais força do que nunca. Sua imagem era meu refúgio nos desapontamentos e angústias, e compensou em parte,para mim, até mesmo a perda de meu amigo. Quanto mais eu me apiedava de mim mesmo, ou me compadecia dos outros, mais buscava consolo na imagem de Dora.Quanto maior o acúmulo de enganos e problemas no mundo, mais brilhante e mais pura reluzia a estrela de Dora, alta acima do mundo. Acho que eu não tinha uma idéia definida do lugar onde Dora tinha vindo ou em que grau ela estava relacionada a uma ordem mais alta do ser, mas tenho certeza de que repeliria com indignação e desprezo a noção de ela ser simplesmente humana, como qualquer outra moça.
          Se é que posso me expressar assim, estava impregnado de Dora. Não apenas perdidamente apaixonado por ela, mas embebido dela até os ossos. Metaforicamente falando, seria possível sugar de mim uma quantidade de amor suficiente para afogar uma pessoa; e , no entanto, ainda permaneceria o bastante dentro de mim, e em todo o meu redor, para permear minha existência inteira.

                Charles Dickens

Trecho do livro: David Copperfield
Fonte:Livro:Linguagem do Amor-Editado por Sheila Pickles
Pag.54

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

A Mente






             "Nosso corpo, na verdade, é produto de nossos pensamentos. Estamos começando a compreender na ciência médica o grau em que a natureza dos pensamentos e emoções realmente determinam a substância física, a estrutura e a função de nossos corpos."  Dr. John Hagelin-Físico quântico e especialista em políticas píblicas.

                  "Nós conhecemos o efeito placebo na cura.Um placebo é algo que supostamente não tem impacto ou efeito no corpo, como um comprimido do açúcar.
Você diz ao paciente que ele é eficaz, e o que acontece é que em alguns casos o placebo tem o mesmo efeito, quando não efeito maior, que o medicamento supostamente concebido para produzir este efeito. Eles descobriram que a mente humana é o principal fator nas artes de cura, algumas vezes mais importante que o medicamento."

                     Dr.John Demartini - Filósofo, quiroprático, terapeuta natural e especialista em transformação pessoal

Fonte:O Segredo-Rhonda Byrne 
Ed.Ediouro   Pág.125            

domingo, 31 de julho de 2011

Dois Amores


            "Como te chamas?", disse ele. 
"Meu nome é Amo."
Imediatamente o primeiro voltou-se para mim .
E exclamou: "Ele mente, pois seu nome é Vergonha,
 Mas eu sou o amor e costumava ficar 
Sozinho neste belo jardim, até que ele chegou,
À noite, sem ser convidado.
Sou o verdadeiro Amor.
Encho os corações de rapazes e moças de chama mútua."
 Então, suspirando, disse o outro:
"Seja como queres, 
Eu sou o Amor que não ousa pronunciar o próprio nome."


Dois Amores, Lord Alfred Douglas, 1870-1945


Livro:A Linguagem do Amor-Editado por Sheila Pickles
Ed.Melhoramentos

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...