Já comprou seu livro hoje? Clic aqui!

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

A Entrega Real

              
             Enfim, enfim quebrara-se realmente o meu invólucro, e sem limite eu era. Por não ser, era. Até ao fim daquilo que eu não era, eu era. O que não sou eu, eu sou. Tudo estará em mim, se eu não for; pois 'eu' é apenas um dos espasmos instantâneos do mundo.
              Minha vida não tem sentido apenas humano, é muito maior - é tão maior que, em relação ao humano, não tem sentido. Da organização geral que era maior que eu, eu só havia até então percebido os fragmentos. Mas agora, eu era muito menos que humana - e só realizaria o meu destino especificamente humano se me entregasse, como estava me entregando, ao que já não era eu, ao que já é inumano.
               E entregando-me com a confiança de pertencer ao desconhecido. Pois só posso rezar ao que não conheço. E só posso amar à evidência desconhecida das coisas, e só me posso agregar ao que desconheço. Só esta é que é uma entrega real.

Clarice Lispector, in 'A Paixão Segundo G.H' 


**Bom final de semana amigos!!!Beijos!
Até segunda!!! 

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

A Boca


A boca,
onde o fogo
de um verão
muito antigo cintila,
a boca espera
(que pode uma boca esperar senão outra boca?)
espera o ardor do vento
para ser ave e cantar.


 Levar-te à boca,
beber a água mais funda do teu ser
se a luz é tanta,
como se pode morrer?


Eugenio Andrade

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Para refletir...

 As ruinas de uma nação começam
no lar do pequeno cidadão.

Provérbio Africano

 Não me basta ter um sonho.
Eu quero ser o sonho.

Palavras de Ana Deusqueira
Personagem do; O ùltimo voo do Flamingo-Mia Couto

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Sucesso

Rir muito e com frequência;
ganhar o respeito de pessoas inteligentes e o afeto das crianças;
merecer a consideração de críticos honestos
e suportar a traição de falsos amigos;
apreciar a beleza, encontrar o melhor nos outros;
deixar o mundo um pouco melhor,
seja por uma saudável criança, 
um canteiro de jardim
ou uma redimida condição social;
saber que ao menos uma vida respirou mais fácil porque você viveu.
Isso é ter tido sucesso.
  
Ralph Waldo Emerson
Fonte:tempodepoesias.name

**Sou destaque no blog da Soninha!Obrigada pelo carinho querida!!!E obrigada aos amigos que comentaram por lá!!!Muito Obrigada!!!!Beijos!
http://soniasilvinoentrevistablogueiros.blogspot.com/2011/12/vivian-no-sofa-do-patchwork.html 

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Quietude


Imagine um lago. 
Sua superfície, absolutamente serena.
Não há vento, não há corrente.
Tudo está calmo.
Suas águas contém todos os nutrientes para a vida,
que se renova por si só. 
Procure pensar.
Eu sou como um lago, um reservatório imenso de virtudes.
Já tenho tudo que procuro.
Só preciso trazer para a superfície o que está depositado no fundo, 
em estado inerte.
Ao ver aflorar minha riqueza, dou vida a ela.
Deixo de buscar fora o que sinto existir dentro.
Isto é quietude. 

Brahma Kumaris

Fonte:tempodepoesia.name

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...